Nova Residência Universitária

CERIMÓNIA ASSINATURA DO CONTRATO DE ADJUDICAÇÃO PARA CONSTRUÇÃO E EXPLORAÇÃO DA NOVA RESIDÊNCIA UNIVERSITÁRIA PARA ESTUDANTES DA UNIVERSIDADE DE ÉVORA.
Os estudantes venceram; Évora vai ter uma nova residência Universitária já em 2019! Foi assinado na passada terça-feira, dia 18 de Dezembro de 2018, o Contrato de Adjudicação para Construção e Exploração da nova Residência Universitária para estudantes da Universidade de Évora.
O ato simbólico teve lugar numa sessão solene, que decorreu na Sala dos Docentes do Colégio do Espírito Santo, contando com a presença da Magnífica Reitora da Universidade de Évora, a Professora Doutora Ana Costa Freitas, Fernando Barreto (Administrador da Skycity, SA), Ana Rita Silva (Presidente da Associação Académica da Universidade de Évora), João Sobrinho Teixeira (Secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior), e o Dr.Carlos Pinto de Sá, Presidente da Câmara Municipal de Évora. Foi nota dominante nos discursos que ocorreram ao longo da sessão, a urgência em solucionar o flagelo do alojamento estudantil, não apenas ao nível local, mas também nacional; pelo que foi também consensual que apenas com um trabalho estratégico e conjunto, será possível alcançar as almejadas soluções, tendo sido sublinhado que neste contexto, há ainda muito por fazer. Por seu turno a presidente da AAUE começou por contextualizar a importância deste dia, afirmando que «A habitação é das parcelas mais importantes e a mais variável, naquilo que são os custos inerentes a frequentar o ensino superior»; já na sequência da sua recente reeleição, Ana Rita Silva chamou a si «a missão de pressionar para que os prazos sejam cumpridos, e auscultar as entidades envolvidas para o seu cumprimento», reforçando ainda que «O Processo só estará concluído quando tivermos a residência entregue aos seus estudantes». A Presidente da AAUE enalteceu e agradeceu ainda o esforço conjunto que permitiu chegar até aqui, ao mesmo tempo que deixou aos presentes a garantia, de que ninguém se poderá demitir das responsabilidades assumidas neste processo, e que como supramencionado, há ainda muito por fazer.
Valeu assim a pena o esforço e combate dos estudantes da academia eborense, que passarão a contar com maior oferta na área do alojamento. Com capacidade para mais de 300 estudantes, esta nova infraestrutura, conta com um investimento de cerca de 5 milhões de euros; localizando-se nos terrenos pertencentes à UE, entre as piscinas municipais e a Escola Manuel Ferreira Patrício. A abertura do denominado «Campus Residance»; está prevista para o final do terceiro trimestre de 2019; a tempo do início do novo ano lectivo.